English version
N.º 11
2010
pp. 71-75

 

< Anterior Seguinte >

Nota
Avaliação e Gestão de Riscos, reflexão: nova lógica conservativa e enquadramento nos modelos de Gestão das Organizações

Luís Filipe Raposo Pereira

luispereir@gmail.com

Resumo

Situando um novo posicionamento da Conservação-Restauro na gestão das Organizações e com implicações na redefinição do perfil dos seus profissionais, a Gestão e Avaliação de Riscos introduz a complexidade da sociedade actual e do seu paradigma de desenvolvimento nas práticas de conservação do património e na própria lógica interventiva inerente. Definindo um sentido de articulação, e enquadrada num modelo estruturante que projecta as organizações como realidades definidas por um profundo entendimento da sua complexidade funcional, a Avaliação e Gestão de Riscos determina novos entendimentos na partilha de responsabilidades no âmbito das decisões. Pressupondo implicações no ordenamento de várias áreas profissionais, os conservadores-restauradores confrontam-se com exigências que determinam novas posturas de relacionamento e a necessidade de um acréscimo de capacitações para responder aos desafios colocados por este modelo de gestão.

Palavras-chave

Articulação
Gestão
Optimização
Organizações
Competência
Conservação-Restauro

Idioma

Português

DOI

10.14568/cp11_5

Download

PDF

Importar referência

RIS | Endnote

Citação

Conservar Património | APA | Chicago | NP405 | ABNT

Conservar Património:
Pereira, L. F. R., 'Avaliação e Gestão de Riscos, reflexão: nova lógica conservativa e enquadramento nos modelos de Gestão das Organizações', Conservar Património 11 (2010) 71-75, https://doi.org/10.14568/cp11_5.

APA:
Pereira, L. F. R. (2010). Avaliação e Gestão de Riscos, reflexão: nova lógica conservativa e enquadramento nos modelos de Gestão das Organizações. Conservar Património, 11 71-75. DOI:10.14568/cp11_5.

Chicago:
Pereira, Luís Filipe Raposo. 2010. "Avaliação e Gestão de Riscos, reflexão: nova lógica conservativa e enquadramento nos modelos de Gestão das Organizações." Conservar Património 11:71-75. doi:10.14568/cp11_5.

NP405:
PEREIRA, Luís Filipe Raposo – Avaliação e Gestão de Riscos, reflexão: nova lógica conservativa e enquadramento nos modelos de Gestão das Organizações. Conservar Património. ISSN 1646043X. 11 (2010) 71-75.

ABNT:
PEREIRA, Luís Filipe Raposo. Avaliação e Gestão de Riscos, reflexão: nova lógica conservativa e enquadramento nos modelos de Gestão das Organizações. Conservar Património, Lisboa, v. 11, p. 71-75, 2010. Disponível em: <https://doi.org/10.14568/cp11_5>. Acesso em: .

História

Recebido: 2009-06-02
Revisto: 2010-07-15
Aceite: 2010-07-17Online: 2017-10-3
Publicação: 2010-10-29

Referências

1 Michalski, S., Preservation Framework Online, http://www.cci-icc.gc.ca/crc/fw/index-eng.aspx (acesso em 19-1-2010).

2 Waller, R. R., Conservation Risk Assessment: A Strategy for Managing Resources for Preventive Conservation, http://www.museum-sos.org/htm/res.menu.doc.html (acesso em 13-1-2010).

3 Ashley-Smith, J., Risk Assessment for Object Conservation, Elsevier Publishers, London (1999).

4 Waller, R. R., 'Cultural Property Risk Analysis', tese de doutoramento, Goteborg University (2003).

5 Waller, R. R., Risk Management Applied to Preventive Conservation, http://www.museum-sos.org/htm/res.menu.doc.html (acesso em 13-10-2010).

6 Waller, R. R., A Risk Model for Collections Preservation, http://museum-sos.org/docs/WallerICOMCC2002.pdf (acesso em 15-01-2010).

7 Mason, R., 'Assessing Values in Conservation Planning: Methodological Issues and Choices', in Assessing the Values of Cultural Heritage, ed. M. de la Torre, The Getty Conservation Institute, Los Angeles (2002) 5-30.

8 Throsby, David, Economics and Culture, Cambridge University Press, Cambridge (2001).

Endereço persistente: https://doi.org/10.14568/cp11_5


< Anterior Seguinte >
ARP | Associação Profissional de Conservadores-Restauradores de Portugal